Engenharia Sustentável
UFMG
EM BREVE

Digite sua senha para ver o site:

Uso da água

Equipamentos redutores de consumo de água

Tamanho da letra:
Compartilhe:

As estratégia economizadoras utilizam diversas tecnologias, sendo que, no contexto brasileiro, podemos destacar os equipamentos e sistemas eficientes e a medição individualizada. Entre equipamentos e sistemas eficientes no uso da água disponíveis no Brasil podemos destacar:

  • Arejadores
  • Redutores de vazão
  • Bacias duplo fluxo
  • Acionamentos automáticos
  • Mictórios sem água
  • Esgoto a vácuo

Os arejadores reduzem a seção de passagem da água, ao mesmo tempo em que introduzem ar no fluxo, melhorando o desempenho de uso da água e possibilitando a redução do consumo para uma mesma função.

Os redutores de vazão reduzem a passagem nas entradas ou saídas dos equipamentos sanitários, mantendo constante a faixa de pressão dos mesmos. Eles podem ser utilizados em chuveiros, lavatórios, mictórios, torneiras, entre outros. Devemos ter atenção no uso dos redutores de vazão em relação ao desempenho do sistema e conforto do usuário.

As bacias duplo fluxo permitem ao usuários escolher entre dois volumes de acionamento da descarga, geralmente de 3 ou de 6 litros, conforme o tipo de resíduo, sólido ou líquido.

Os acionamentos automáticos permitem que o comando do equipamento sanitário ocorra por mecanismos hidromecânicos ou por sensores. Nestes sistemas, devemos ter especial atenção na correta instalação e calibração dos mesmos, para evitar o uso desconfortável para o usuário. Com relação aos sensores, deve-se ter atenção no posicionamento para evitar acionamentos involuntários.

Os mictórios sem uso de água são feitos de peça cerâmica de desenho e vitrificação especial, que evita a aderência de resíduos na mesma. Na saída do equipamento existe um elemento tipo cartucho com duas câmeras, uma voltada para o ambiente externo e outra para a saída interna do equipamento. Entre estas câmera existe um líquido especial que permite a passagem da urina, mas não do ar, funcionando como um fecho hídrico ou sifão:

Os sistemas de esgotos a vácuo reduzem bastante o consumo de água utilizada nas bacias sanitárias. Normalmente, são utilizados apenas 1,2 litros de água por descarga no esgoto a vácuo, contra 6 litros nos sistemas convencionais por gravidade. O sistema, porém, apresenta desvantagem de ruídos e de utilização de bombas elétricas para o funcionamento. O conforto do usuário e o consumo de energia devem ser avaliados conforme a situação proposta de uso.