Engenharia Sustentável
UFMG
EM BREVE

Digite sua senha para ver o site:

Utilização da ACV para avaliação dos materiais de construção

Tamanho da letra:
Compartilhe:

A análise do ciclo de vida (ACV) ou Life Cycle Assessment (LCA) foi inicialmente utilizada nos Estados Unidos em 1990 e é definida como o processo de avaliação dos impactos que um determinado material ou produto têm no ambiente em cada etapa de seu ciclo de vida. Esta metodologia tem sido utilizada por diversos pesquisadores na seleção de materiais de construção.

Da forma análoga à descrita no Capítulo 3 a ACV de um material é realizada baseada nas seguintes normas:

  • NBR ISO 14040: 2009 – Gestão ambiental – Avaliação do Ciclo de Vida – Princípios e estrutura, que delimita o processo para avaliação das informações do inventário do ciclo de vida;
  • NBR ISO 14044: 2009 – Gestão ambiental – Avaliação do Ciclo de Vida – Requisitos e orientações, que trabalha os estudos da ACV e os inventários do ciclo de vida.

Apesar de a ACV ser o método científico reconhecidamente mais adequado para avaliar o desempenho ambiental de produtos e processos, a mesmo possui limitações e dificuldades. Um correto resultado das análises depende da disponibilidade dos dados dos materiais e processos realmente usados no objeto de estudo. Muitas vezes estes dados não são conhecidos e os estudos são realizados com dados de materiais e processos similares. Cabe ressaltar que, por exemplo, o mesmo cimento produzido em regiões ou até mesmo fábricas diferentes possuem dados ambientais diferentes, o que mostra a abrangência e complexidade dos dados necessários. A restrição na disponibilidade dos dados torna um estudo de ACV uma descrição parcial dos impactos ambientais do objeto em questão.